Ministério público federal solicita que fosfoetanolamina seja reconhecida como suplemento alimentar

Em junho deste ano, o Ministério Público Federal (MPF) ajuizou um pedido de liminar para que a substância Fosfoetanolamina sintética seja reconhecida como suplemento alimentar. De acordo com o procurador da República em Uberlândia (MG), que ajuizou a liminar, o uso da fosfoetanolamina sintética auxilia no reparo celular e equilibra as funções orgânicas e metabólicas do corpo. Além disto, também foi solicitado que a sua produção, comercialização ou importação sejam liberadas...
Leia Mais